Governo promove formação para implantação do Novo Ensino Médio em Escolas de Tempo Integral
Blog do Professor Gil - Timbiras e Região

Governo promove formação para implantação do Novo Ensino Médio em Escolas de Tempo Integral

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), promove a formação de equipes escolares voltada para a implantação do Novo Ensino Médio. A Formação, que começou nessa quarta-feira (27) e segue até essa sexta-feira (29), é direcionada exclusivamente para gestores escolares e professores de 12 Centros Educa Mais, da capital, que servirão como piloto para implantação do Novo Ensino Médio no Maranhão.

A formação, que acontece em ambiente totalmente virtual, é realizada pelo Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), de Pernambucano, parceiro da Seduc desde o início da implantação do Ensino Médio Integral no estado com a criação dos Centros Educa Mais e do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), no governo Flávio Dino.

A ação formativa tem como foco principal apresentar aos educadores as inovações do Novo Ensino Médio à luz do Modelo da Escola da Escolha, com o objetivo de preparar esses profissionais (gestores e professores) para que possam trabalhar, de forma efetiva em sala de aula, as novas diretrizes do Novo Ensino Médio.

Nesta quinta-feira (28), a formação foi realizada por Thereza Barreto, diretora pedagógica do Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), que trabalhou com os educadores aspectos da arquitetura curricular, abordando elementos do Modelo Pedagógico com ênfase na Formação Diversificada do currículo. Assim foram discutidas temáticas como: itinerários formativos, disciplinas eletivas e sua relação com o novo currículo, habilidades socioemocionais exercidas nas eletivas, processos criativos, protagonismo, como reconhecer nos adolescentes potencialidades e valores de mobilização e participação, entre outros temas.

“É um grande desafio para todos os professores, gestores escolares e coordenadores e equipe da Secretaria de Educação. É uma nova perspectiva para o processo de ensino e de aprendizagem que exigirá muito mais de cada um e também dos estudantes. Tudo isso na perspectiva de assegurar uma formação acadêmica, emocional e social articulada aos desafios e oportunidades da sociedade contemporânea”, pontuou Thereza Barreto.

“Com o apoio do ICE, realizamos a primeira formação do Novo Ensino Médio voltada aos professores e gestores. Este é mais um importante passo para concretizar esse projeto, que flexibiliza o currículo e enaltece o protagonismo dos estudantes. É uma fase experimental, e iremos buscar e somar todos os esforços para que esse projeto funcione da melhor forma possível. Esperamos melhorar o nosso nível de aprendizagem e avançar na educação dos nossos adolescentes e jovens”, destacou André Bello, secretário Adjunto de Educação Profissional e Integral da Seduc.

Este ano, em atendimento à Lei 13.415, que altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN) e define as novas diretrizes curriculares para o Ensino Médio e o Ensino Profissional do país, além dos Centros Educa Mais, 30 escolas do Ensino Médio Regular servirão como piloto para a implantação do novo o Novo Ensino Médio Nacional no estado. Os gestores e professores dessas escolas também receberão formação.

Vale destacar que as 23 Unidades Plenas do IEMA já iniciarão o ano letivo de 2021 seguindo o modelo curricular do Novo Ensino Médio, não como piloto, uma vez que os institutos já trabalham a Educação Profissional e Tecnológica integrada ao Ensino Médio em tempo Integral, que é uma das diretrizes do Novo Ensino Médio.

Fonte: Seduc
Texto: Regina Souza
Fotos: Divulgação

Categoria: Notícias