Conheça o Auxílio Brasil, novo programa social que vai substituir o Bolsa Família
Blog do Professor Gil - Timbiras e Região

Conheça o Auxílio Brasil, novo programa social que vai substituir o Bolsa Família

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou o novo Bolsa Família 2021. Chamado “Auxílio Brasil”, o benefício vai substituir o maior programa social do País. Ele não chegou a detalhar o valor, mas disse que será 50% maior do que a média do Bolsa Família. Hoje, o benefício pago às famílias fica em torno de R$ 192,00. Anteriormente, Bolsonaro havia falado que o programa pagaria pelo menos R$ 300,00, mas que ele gostaria de aumentar para R$ 400,00.

O pagamento deve começar depois de terminada a prorrogação do auxílio emergencial, que vai até outubro de 2021. Portanto, se o anúncio do governo se concretizar, em novembro já deve começar o pagamento do novo Bolsa Família 2021. Vale lembrar que o Governo Federal pode lançar o programa até dezembro deste ano. Isso porque a legislação eleitoral não permite que sejam iniciados novos auxílios em ano eleitoral.

É possível que para o novo Bolsa Família, o Governo Federal abra o auxílio para mais famílias. Hoje podem receber o Bolsa Família as famílias com renda por pessoa de até R$ 89,00 mensais. O principal critério para receber o programa é ser inscrito no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal). Uma vez cadastrado, a pessoa pode solicitar a adesão ao Bolsa Família junto aos CRAS (Centros de Referência da Assistência Social) dos municípios.

Mas atenção, a inscrição no CadÚnico não garante o recebimento automático do auxílio. A seleção de famílias contempladas é feita pelo Ministério da Cidadania com base nos dados inseridos pelas prefeituras. A seleção é mensal e leva em consideração a composição familiar e a renda de cada integrante.

Categoria: Notícias