O caminho natural de Josimar de Maranhãozinho
Blog do Professor Gil - Timbiras e Região

O caminho natural de Josimar de Maranhãozinho

O deputado federal mais votado no Maranhão em 2018, Josimar de Maranhãozinho (PL), tem reafirmado sistematicamente o seu posicionamento de disputar o Governo do Maranhão nas próximas eleições em 2022.

Depois que se fortaleceu com as eleições municipais, ampliando o número de prefeitos que devem lhe apoiar no próximo pleito, Josimar tem reafirmado que deixará o Legislativo e buscará uma vaga no Executivo. A esposa de Josimar, a deputado estadual mais votada em 2018, Detinha (PL), é quem deve concorrer a uma vaga na Câmara Federal.

O desejo de disputar o Governo do Maranhão, por si só, já seria mais do que suficiente para um afastamento natural do governador Flávio Dino (PCdoB), que já tem, no mínimo, outros dois postulantes ao cargo no seu grupo político, o vice-governador Carlos Brandão (Republicanos) e o senador Weverton Rocha (PDT).

No entanto, outros dois fatores podem apenas ratificar essa ruptura. A primeira delas é que um dos partidos que Josimar comanda no Maranhão, o Patriotas, deve ser o destino do presidente da República, Jair Bolsonaro, que segue ainda sem partido. Como Flávio Dino se intitulou um dos principais adversários de Bolsonaro, seria difícil para o comunista aceitar que um aliado seu desse guarita ao seu principal desafeto.

Além disso, Josimar perdeu espaço no Governo Dino. O deputado chegou até a comandar a Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), através de Fabiana Villar Rodrigues, que seria sobrinha de Josimar.

Categoria: Notícias